1887

Abstract

No compartimento nordeste da Bacia do Recôncavo é comum a ocorrência de hidrocarbonetos em<br>zonas de sombra de falhas normais. São acumulações com grande coluna de óleo, mas de reduzida extensão. O<br>3D de Rio Inhambupe, com 35 km2 cobre uma área com essas características. Devido à forte estruturação e à<br>pequena área das acumulações, utilizou-se a migração pré-empilhamento para obter um imageamento preciso<br>que permitiu a visualização dos planos de falha, diminuindo os riscos das locações.<br>O conhecimento apenas aproximado do campo de velocidades levou ao uso da migração pré-empilhamento em<br>tempo, como alternativa à migração em profundidade. A migração foi feita com uma implementação da integral<br>de Kirchhoff, onde as curvas de tempo de trânsito são calculadas analìticamente com o emprego de<br>velocidades médias quadráticas ( Vrms ). Para otimizar a utilização do recurso computacional, optou-se por<br>migrar em duas passagens.<br>Em relação ao processamento convencional, os resultados obtidos mostram uma grande melhoria no<br>imageamento, particularmente dos planos de falha, que foram posicionados com boa precisão, demonstrando a<br>validade da metodologia empregada. Problemas com amplitudes na porção mais rasa indicam a necessidade<br>de um melhor fluxo de processamento, possìvelmente com a introdução de correções de azimute fontereceptor,<br>já que os afastamentos laterais são mais significativos para as reflexões rasas.

Loading

Article metrics loading...

/content/papers/10.3997/2214-4609-pdb.215.sbgf370
1999-08-15
2020-04-02
Loading full text...

Full text loading...

http://instance.metastore.ingenta.com/content/papers/10.3997/2214-4609-pdb.215.sbgf370
Loading
This is a required field
Please enter a valid email address
Approval was a Success
Invalid data
An Error Occurred
Approval was partially successful, following selected items could not be processed due to error