1887

Abstract

As imagens da parede do poço são amplamente<br>utilizadas por geólogos e engenheiros de petróleo<br>para identificar eventos geológicos nas paredes<br>de poços abertos e na inspeção dos tubos de revestimento.<br>As ferramentas de imageamento acústico<br>produzem imagens do tempo de trânsito e da amplitude<br>do pulso acústico gerado pela ferramenta e refletido<br>na parede do poço. Entretanto, estas imagens podem<br>ter uma interpretação não realista, uma vez que<br>elas podem ter seu aspecto alterado em razão do movimento<br>da ferramenta no interior do poço.<br>O deslocamento ascensional da ferramenta e<br>as imperfeições da parede do poço, normalmente são<br>os responsáveis pelo deslocamento da posição do<br>transdutor, em relação ao eixo do poço. Este efeito<br>pode ter grande responsabilidade nas imperfeições<br>das imagens de tempo de trânsito. Assim, a correção<br>dessas imagens, chamada de correção da descentralização,<br>busca o reposicionamento do transdutor para a<br>posição do eixo do poço.<br>Este trabalho apresenta um método de correção<br>do efeito da descentralização da ferramenta e<br>reconstrução das imagens de tempo de trânsito, baseado<br>no modelamento da imagem de tempo de trânsito<br>obtido a partir da aplicação do critério de Coulomb<br>para a ruptura da parede do poço submetida a um<br>campo horizontal de tensões, a qual descreve a geometria<br>da parede do poço e no método do raio, que<br>para o caso de incidência normal, define o tempo de<br>trânsito do pulso acústico.

Loading

Article metrics loading...

/content/papers/10.3997/2214-4609-pdb.217.386
2001-10-28
2024-07-22
Loading full text...

Full text loading...

/content/papers/10.3997/2214-4609-pdb.217.386
Loading
This is a required field
Please enter a valid email address
Approval was a Success
Invalid data
An Error Occurred
Approval was partially successful, following selected items could not be processed due to error